Entrar     Registrar  
 
 
De Tudo um Pouco
 
 
Colunas
 
 
Fale conosco
 
 

 

 

 
 Pequenas doações são suficientes para fazer grandes projetos ou manter vivas algumas ideias.
Da forma que você puder, e quiser, ajude-nos a manter o De Tudo Um Pouco no ar.
  ColunasUniverso Digital    março 24, 2017
Minimizar
19

Ao escrever este artigo estamos a exatamente seis dias do lançamento do Windows 8, o novo sistema operacional da Microsoft e sucessor do ótimo Windows 7. E é certo que muitas expectativas rondam o novo sistema operacional, que será o primeiro com uma interface universal para rodar em dispositivos móveis e PCs. Isso mesmo! A "cara" do Windows 8 será idêntica nos computadores de mesa, notebooks, tablets, celulares que rodam Windows Phone e até para o console xBox.

E que mudanças devemos esperar? Esta é, com certeza, uma pergunta que muitos usuários devem estar se fazendo. É sempre complicado decidir pela adoção de um sistema operacional recém lançado. Ficamos sempre com a sensação de que algo pode não funcionar bem ou que algum problema de compatibilidade surgirá para nos atormentar.

Eu tenho no meu notebook um dual boot com o Windows 7 e o Windows 8, que uso desde a versão "Windows 8 Developer Preview", liberada pela Microsoft em 13/09/2011. Após algumas atualizações, a versão atualmente em uso é a "Windows 8 Release Preview - Build: 8400". Baseado na experiência adquirida durante os últimos meses, eu resolvi escrever este artigo na tentativa de fornecer algumas respostas à pergunta do parágrafo anterior.

A primeira grande mudança, e com certeza a mais marcante, está na área de trabalho que foi inspirada no Windows Phone. Você não sabia disso? Pois é! A interface "Metro", atualmente chamada de "Modern" por alguns, originalmente concebida para o Windows Phone 7, foi a base da grande revolução visual que vem por aí. Na área de trabalho do Windows 8 o menu

Iniciar deu lugar a um visual bastante diferente ao qual estamos acostumados. Com botões e ícones maiores, deixando clara a intenção de facilitar o toque com os dedos no tablet, o Windows ganha uma interface gráfica moderna. Os programas que fazem parte do sistema operacional, como o Internet Explorer, seguem a mesma linha de mudanças e o Office também deve ganhar uma versão "sensível ao toque", marcando a entrada do Windows 8 no mercado dos tablets. Entrada esta que já foi feita com o pé direito! O Microsoft Surface RT, versão mais barata do Surface, com 32 GB para armazenamento e sem a capa inteligente Touch Cover, já teve o seu  estoque esgotado na pré-venda e não está mais disponível para envio no próximo dia 26 de outubro, data em que o produto será lançado oficialmente no mercado norte-americano.


A nova interface do Windows 8 pode acabar se tornando mais prática para os usuários de gadgets. E é certo que a unificação da interface vai ajudar muito. De qualquer forma, poucas horas antes de começar a escrever este texto, eu fiquei surpreso ao ler a avaliação de um heavy user do iPad apontando "cinco razões por que o Windows 8 é melhor que o iOS para tablets". Polêmicas à parte, é certo que o lançamento do Windows 8 já está provocando reboliço em nichos fechados quase que herméticamente. O artigo que contém a avaliação supra citada pode ser lido AQUI.

E o que há de novidade no Windows 8? Vejamos:

NOVOS RECURSOS

Com o Windows 8, todos os programas abertos em segundo plano entram em uma espécie de "modo de espera", deixando de influenciar na velocidade de outros recursos ou processos em andamento, ou seja, não será mais preciso fechar um programa porque ele atrapalha o desempenho de outro. O gerenciador de tarefas também trouxe algumas modificações. Através dele, agora é possível monitorar o processador, a memória, o disco rígido e as redes sem fio.

TEMPO DE INICIALIZAÇÃO

O Windows 8 tem boot de 30% a 70% mais rápido do que os Windows anteriores, próximo a dois segundos. O processo de instalação no meu notebook foi rápido e sem problemas. Ele reconheceu a versão do Windows 7 pré-existente (eu já havia alocado manualmente o espaço para a sua instalação), não a comprometeu e instalou um bom gerenciador de dual boot para que eu pudesse escolher qual sistema usar.

REDES WI-FI

O acesso às redes Wi-Fi também ficou mais rápido se comparado ao Windows 7. A conexão, normalmente estabelecida entre 7 a 12 segundos, está muito mais rápido. Essa agilidade ocorre graças ao armazenamento de preferências do usuário.

WINDOWS TO GO

A diferença entre as versões "Pro" e "Enterprise" estão em alguns recursos adicionais exclusivos como o Windows To Go, que permite instalar o sistema operacional em um pendrive. Através desse recurso, o funcionário de uma empresa pode, por exemplo, utilizar tanto o computador da empresa como o pessoal, evitando que informações importantes sejam compartilhadas em sistemas alheios, tendo todos os dados em seu próprio pen drive. O Windows To Go não foi planejado para substituir desktops, laptops ou suplantar outras opções de mobilidade. Em vez disso, ele oferece suporte para o uso eficiente de recursos para cenários alternativos de local de trabalho.

ACESSO REMOTO

No novo sistema, também é possível o acesso remoto à rede corporativa sem a necessidade de uma rede privada virtual separada. Os funcionários de uma empresa, por exemplo, podem acessar aplicativos de negócio e outros sites internos e os administradores do sistema podem gerenciar remotamente os computadores e monitorar as conexões.

VIRTUALIZAÇÃO

O Windows 8 Enterprise inclui uma tecnologia de virtualização que permite aos desenvolvedores corporativos criar e testar diferentes configurações de aplicativos e sistemas operacionais em um único desktop ao invés de um PC para cada configuração.

IMPRESSORAS E DRIVERS

Os recursos de impressão também são melhorados com a inclusão de um driver de impressão interno que permite imprimir em diversas impressoras sem precisar baixar ou instalar drivers de dispositivos.

SUPORTE A FLASH PLAYER

Depois de a Microsoft afirmar que o Windows 8 não teria, de forma alguma, a compatibilidade ao Adobe Flash Player, a empresa voltou atrás e colocou o suporte ao plugin. Além disso, uma parceria feita pela Microsoft e Adobe fará com que o Flash tenha atualizações automáticas pelo Windows Update. O Flash é um dos únicos plugins que deve funcionar no novo sistema e no Internet Explorer 10.

SUPORTE PARA USB 3.0

Foi confirmado o suporte para USB 3.0 no Windows 8, garantindo mais velocidade nas cópias de arquivos do computador para o dispositivo móvel.

Neste ponto já posso afirmar que a minha avaliação do Windows 8 é muito boa. Nestes meses de uso eu instalei e testei vários aplicativos que eu tenho no Windows 7 e todos rodaram bem. Contudo, que fique claro: eu não estou dizendo que todos os aplicativos que rodam no Windows 7 rodam também no Windows 8! Estou dizendo apenas que os que eu testei rodaram.

Em minha opinião os principais destaques do Windows 8 são a melhoria nos recursos de armazenamento e conectividade, no gerenciamento de energia e na rapidez da interface, que tem na aparência a grande revolução.

Por ser proprietário de um Nokia Lumia, eu já tinha a interface no meu Windows Phone. Desta forma, a curva de aprendizado na utilização da nova interface do Windows 8 foi minimizada. Entretanto, a ambientação a nova interface será, em minha opinião, o grande ponto de impacto para a maioria dos usuários. Mas não se assuste! Você vai se habituar rapidamente.

Ao comprar o novo Windows Phone eu já fiz uma aposta nas mudanças propostas pela Microsoft. A chegada do Windows 8, o lançamento do Microsoft Surface, o advento do Windows Phone 8, as mudanças no console Xbox, entre outras, são indicativos de que a aposta foi bem feita.

Termino este artigo com uma ótima notícia: ontem, 19/10/2012, a Microsoft iniciou a pré-venda do Windows 8 Pro no Brasil. Quanto custa a atualização do Windows XP, Windows Vista ou Windows 7? R$ 269,00. Isso mesmo! Você pode comprar a sua licença oficial do Windows 8 Pro e receber o produto em sua casa, em uma caixa estampada com uma das 4 ilustrações vibrantes que a Microsoft preparou para o lançamento, por R$ 269,00 que podem, inclusive, serem parcelados em 12 vezes de R$ 22,42 sem juros na maioria das lojas que estão vendendo o produto.

Este preço pode não ser baixo quando comparado a alguns mercados. Contudo, é bem inferior ao custo de lançamento de versões anteriores do Windows. Esta promoção é por tempo limitado! Clique AQUI para maiores detalhes.

Até o próximo artigo.

Comentários

Atualmente não há comentários. Seja o primeiro a colocar um.

Postar comentário

Somente usuários registrados podem postar comentários.
 
  Copyright 2003-2017 - Ronaldo C. E. Santos   Termos de uso  Privacidade